Como Trabalhar a Linkagem Interna dos Artigos, sem Dor de Cabeça?

Como-Trabalhar-a-Linkagem-Interna-dos-Artigos-sem-Dor-de-CabecaHoje vou passar uma dica simples, útil e eficaz para trabalhar facilmente a linkagem interna nos artigos que posta em seu blog, pois às vezes é um saco se matar para criar link apontando para artigos anteriores que tenha Publicado.

Uma das alternativas como muitos leitores devem saber, é com o uso de plugins que fazem isso de forma automática, mas esse não é o foco de hoje.

O único requisito para essa dica dar certo é ter um plugin de artigos relacionados instalado e diante disso, basta ir normalmente como se fosse publicar um novo artigo no seu blog.

Quando todo o processo de edição do artigo estiver concluído, não clique em publicar, simplesmente salve como RASCUNHO e clique em VISUALIZAR, para ver como seu artigo ficará ao ser publicado.

É nessa hora que deve aproveitar a área de Artigos Relacionados!

Quando visualizar o artigo, aproveite e confira quais sugestões o plugin de artigos relacionados lhe deu e diante disso, você pode muito bem aproveitar alguns links sugeridos para trabalhar melhor a linkagem interna naquele artigo, evitando publicar ele sem nenhum outro link apontando para uma página já publicada.

Nunca, NUCA, N-U-N-C-A! Publique um artigo puro, sem conter dentro dele um link levando para outro artigo dentro do seu próprio blog.

Isso ajuda em muitos sentidos de otimização, pois o simples fato de ter um link interno, pode ajudar o visitante a navegar por outras páginas do blog, evitando que ele saia rapidamente (o que ajuda a diminuir a taxa de rejeição).

Isso por si só já é uma grande ajuda quando entramos naquele assunto chamado SEO, rs, alias, em falar em SEO, aproveite e confira os artigos, “Pensar em SEO no Inicio do Blog é BESTEIRA!” e “SEO de Verdade é Conteúdo!” (viu como é fácil, rs).

Você costuma trabalhar a linkagem interna, ou não tem esse hábito ainda?

Rogerio Gomes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *