Trafego Pago e Orgânico no Blog! Vantagens e Desvantagens!

Acabei de ler um artigo tão interessante que não resisti em criar um artigo exclusivamente para ele, afinal de contas, não é todo dia que temos a satisfação de ler um artigo que nos faz refletir sobre o que é realmente importante para o blog em termos de ganhos e trafego.

Para iniciar, a questão toda é sobre a dependência das visitas orgânicas, ou seja, o quanto é ou não necessário depender delas, já que essa mesma rota que pode ser a trajetória do sucesso, também pode ser a sua última rota para o caminho iluminado, levando em consideração que tudo pode acabar amanhã com a próxima atualização do buscador.

Antes de continuar, leia o Artigo no Dinheiro-Web do Vinicius Horta chamado, “Seu Blog Deve Crescer, Mas aos Poucos! Entenda Porque!”. Não digo apenas para ler, digo literalmente para interromper essa leitura e passar por lá para ler o que o Vinicius Horta diz em relação ao crescimento das visitas orgânicas.

Se não ler esse artigo, todo o raciocínio que faço abaixo não terá liga para você, então, realmente pare para ir lá conferir e depois volte.

Porque esse Artigo no Blog do Vinicius Horta é tão Importante!

Simplesmente pelo fato dele ter feito uma reflexão sobre um dos assuntos mais complicados para se debater, levando em conta o grande risco que todos nós blogueiros estamos sujeitos a passar dia a dia com nossos projetos online.

Afinal de contas, do mesmo jeito que lutamos dia a dia para ganhar méritos e reconhecimento por parte dos buscadores, também devemos levar em conta que no amanhã tudo pode mudar e nessa hora, o trafego pago pode (ou não) ser seu último recurso.

– http://wrg.com.br/leio-bastante-mais-ainda-sim-nao-ganho-dinheiro-na-internet/
– http://wrg.com.br/divulgar-o-blog-atraves-de-guest-post-ainda-vale-a-pena/

Vamos a Minha Linha de Pensamento!

O Artigo do Vinicius está totalmente correto, afinal de contas para ter um blog sadio e longe de riscos, devemos trabalhar duro por um bom período, mas ao mesmo tempo, não devemos ariscar tanto nas estratégias orgânicas, senão, a punição chega mesmo e nessa hora meu amigo, não vai adiantar rezar.

Por outro lado, acho que hoje ate sou a favor do trafego pago e para ser sincero, nem tanto assim dos programas de afiliados por clique. Não falo isso para cuspir no prato que como todo dia, pelo contrário, falo pelo próprio bem financeiro do blogueiro.

Se hoje você não olha para o mercado da venda de produto direto, ou melhor, do real aproveitamento do trafego que recebe, é sinal de que está mesmo perdendo um bom dinheiro.

Pense comigo, porque é que seu visitante clica em um anúncio no seu Blog?

Porque lhe chamou a atenção?
Porque tinha uma imagem bonita?
Porque o banner piscou tanto que ele não resistiu?

Nada disso! É simplesmente porque os dizeres do banner representam exatamente o que o visitante busca de verdade, e por isso ele saiu do seu artigo (que aparentemente era completo dentro do tema) e foi comprar alguma coisa ou contratar um serviço.

Se parar para pensar, tudo se resume a comprar um produto ou contratar um serviço, já que é somente no ponto em que o dinheiro sai do cartão/conta que todo o ciclo se fecha e dá-se por concluído.

Se não fosse assim, porque é que as empresas iriam anunciar tanto?

Elas fazem isso porque têm retorno, logo, continuam anunciando para ter mais clientes e ganhar ainda mais dimdim!

http://wrg.com.br/email-marketing-para-blogueiro-entenda-como-funciona/
http://wrg.com.br/digital-afiliados/

Todo Blogueiro pode aproveitar melhor seu Tráfego!

Bem, para não depender exclusivamente do tráfego orgânico (indicado apenas e unicamente para blogs com alguns meses de vida), eles podem começar a criar uma lista de email (sim, hoje já começo a entender um pouco sobre a importância de uma lista).

Essa é a única forma de realmente não depender literalmente do trafego orgânico, ao mesmo tempo em que continua aquecendo os acessos do Blog e claro, gerando receita para ele.

Se não criar a lista terá que pagar para artigos patrocinados, campanhas de banners, postagens patrocinadas em redes sociais, ou partir para o anuncio via face/google, que são as formas mais conhecidas de se obter trafego pago de qualidade.

Estas geram retorno, mas só devem ser feitas por um Blogueiro que já está começando a ganhar dinheiro oriundo das buscas orgânicas, e que principalmente, já está começando a ter mais segurança frente ao blog, caso contrário isso poderá representar uma perca de dinheiro.

Digo isso porque o importante é ter em mente uma coisa, “Você precisa aproveitar ao máximo cada visitante que passa diante do seu Projeto”.

Tenha sempre em mente que as pessoas querem aprender de verdade (e nessa você pode vender seu conhecimento para elas), que as pessoas querem resolver seu problema (e nisso você pode oferecer sua prestação de serviço ou vender um produto para elas).

Desta forma você consegue aproveitar melhor cada visitante, podendo ter um lucro ainda maior do que o habitual provindo dos afiliados (principalmente os por clique, em que muitas vezes existe um padrão de ganho por clique e não passa disso).

Quando Digo para não depender exclusivamente do Tráfego Orgânico, na verdade estou querendo que você acorde e enxergue logo tudo isso que estou falando e digo por experiência própria, já que um dia acordei e vi meus ganhos e trafego zerado, então, imagine a cena meu amigo.

Não vou me estender neste detalhe (um dia paro para te contar isso), mas posso dizer uma coisa, nessa hora ou você muda e aprende ou simplesmente deixa toda essa história de blog de lado e vai arrumar um emprego, não tem outra saída para quem entrou nessa de cabeça.

Eu penei, mas pela teimosia ainda estou aqui, firme como uma rocha para continuar compartilhando o conhecimento que sei com outros amigos e colegas blogueiros.

Quando a porta do ganho via clique fecha você realmente começa a fazer o certo da coisa, que é aproveitar ao máximo cada visitante que passa no blog, por isso, quando digo para olhar com calma o trafego pago, quero dizer na verdade para pensar em aproveitar ao máximo o tráfego que recebe (seja ele pago ou não), pois pensando assim você irá não apenas dar mais valor ao visitante que recebe, como irá pensar em formas e maneiras de dar aquele visitante o que ele realmente está procurando e quando digo isso, não me refiro a mais um banner com empresas para ele escolher.

http://wrg.com.br/trafego-pago-e-organico-no-blog-vantagens-e-desvantagens/
http://wrg.com.br/evite-perder-cliques-anuncios-pagos-bots/

Aproveite Bem o Tráfego que passa pelo Blog!

Não deixe o visitante entrar e sair do blog, assim, simples e facilmente, afinal de contas você hoje rala e continua ralando ao extremo para conseguir visitas, então, não faz nenhum sentido deixá-lo partir com a mesma facilidade que entrou.

Se não tem nenhum produto ou serviço a oferecer, ofereça algo em troca do seu cadastro, já que está é uma maneira de ter esse visitante com você, ao seu lado, assim, quando você estiver pronto para oferecer algo que possivelmente possa resolver o problema dele de vez, basta lhe enviar alguns e-mails para deixar bem clara sua proposta.

É justamente por isso que não se deve comprar trafego pago no inicio, pois nesse período você não está pronto para aproveitar o tráfego de verdade. Em vez disso, siga o passo a passo para aumentar a posição orgânica e os ganhos com os afiliados e vá construindo sua lista.

Quando a hora chegar, você vai saber o que fazer para aproveitar o tráfego dos leitores que conquistou, passando naturalmente para outro nível, o nível do trafego pago, mas principalmente, o nível que realmente aproveita cada visitante recebido no projeto.

No final das contas, tudo se resume em vender um produto, prestar um serviço ou simplesmente de deixar o leitor ali, quietinho na sua lista de email.

Essa foi à reflexão sobre a Compra do Tráfego Pago!

Espero que mais essa reflexão continuada (se posso chamar assim, rs) sobre o ótimo artigo do Vinicius Horta tenha ajudado há abrir um pouco mais sua mente para os enormes caminhos que você e seu blog podem seguir, principalmente sobre o enorme potencial financeiro que possa estar perdendo simplesmente por exibir um banner de afiliado e mais nada.

Minha proposta não foi a de responder tudo, nem se deixar tudo claro para você, afinal de contas, sem poeira no ventilador para pensarmos um pouco, nada acontece!

Agora é com você! Se gostou ou não do artigo ou se simplesmente conseguiu enxergar algo a mais, fique a vontade para deixar um comentário logo abaixo.

um comentário

  1. Opa Rogério!

    Nossa cara bem interessante a forma como colocou a questão do tráfego pago, eu geralmente olhava para ele e pensava que não seria uma boa alternativa para crescer um blog (possivelmente um blogueiro menos experiente). Mas agora notei uma fator extra, que é o caso de quem já faz um bom aproveitamento do tráfego, aí sim pode realmente ser muito produtivo.

    E o poder das listas de e-mail realmente é grande, já to a um tempo trabalhando isto e tendo bons resultados (inclusive conversões) pelo e-mail marketing, e olha que a base de dados ainda é um bebê rsrsr

    Abraço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *